Joe Satriani diz que ele e amigos já faziam tapping antes de Eddie Van Halen

Quem inventou o tapping na guitarra? Eddie Van Halen deu fama ao método em que se usa as duas mãos no braço da guitarra, mas outros músicos, como Harvey Mandel (Canned Heat) e Steve Hackett (Genesis), já usavam a técnica. Agora, Joe Satriani também declarou ter feito tapping antes de Eddie.
Foto: divulgação

Quem inventou o tapping na guitarra? Eddie Van Halen deu fama ao método em que se usa as duas mãos no braço da guitarra, mas outros músicos, como Harvey Mandel (Canned Heat) e Steve Hackett (Genesis), já usavam a técnica. Agora, Joe Satriani também declarou ter feito tapping antes de Eddie.

Em recente entrevista ao podcast ‘Behind the Vinyl’, transcrita pelo Blabbermouth, Satriani comentou: “Eu fazia tapping antes de Eddie, antes do álbum de estreia do Van Halen em 1978. Temos a mesma idade e começamos a tocar na mesma época, então, vimos outros caras fazendo isso, como os guitarristas do Wishbone Ash”.

O músico disse que assistiu ao Wishbone Ash tocando no programa de TV ‘Don Kirshner’s Rock Concert’ e pirou quando viu os guitarristas da banda usando os dedos de ambas as mãos no braço da guitarra. “Em meu grupo de amigos, todos faziam o tapping”, afirmou.

Méritos de Eddie Van Halen com tapping – e mais

Apesar disso, Joe Satriani não quer tirar os méritos de Eddie Van Halen. Afinal de contas, o lendário guitarrista, falecido no último mês de outubro, foi o responsável por popularizar e aprimorar a técnica do tapping.

“O grande brilho de Eddie foi o que ele fez com aquilo. E é isso que você pode dizer sobre tudo. Sabemos os mesmos acordes. Há milhões de guitarristas tocando as mesmas 12 notas, os mesmos acordes. Compramos as mesmas cordas, usamos as mesmas guitarras. O que fez Eddie especial? Aquele gênio só disse: ‘bem, vou pegar aquilo e fazer isso aqui'”, disse.

O guitarrista relembrou de ter ouvido ‘Eruption’ pela primeira vez na rádio, em seu primeiro contato com a música do Van Halen. “Eu estava com minha guitarra tocando com o rádio, ouvi aquilo e fiquei boquiaberto. Pensei: ‘meu Deus, esse cara é o maior, esse cara sabe usar as coisas que eu conheço’. Eu tinha todas as ‘ferramentas’ à disposição, assim como ele, mas veja só o que ele fazia. Fiquei tão feliz”, afirmou.

Por fim, Joe Satriani comentou que Eddie Van Halen tocava de forma tão “agressiva e melódica” ao mesmo tempo, e fazia isso durante a música inteira. “Era divertido. Não era perfeito, não era pretensioso. Era rock and roll. Divertido”, concluiu.

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!