Gene Simmons, do Kiss, diz que rock morreu e que rappers não superarão os Beatles

O vocalista e baixista do Kiss, Gene Simmons, fez críticas à forma como o rock se encontra nos dias de hoje. Ele disparou contra os rappers, garantindo que nenhum deles jamais terá o tamanho dos Beatles.
Foto: reprodução / Facebook

O vocalista e baixista do Kiss, Gene Simmons, não tem a língua grande à toa: o músico é conhecido por dar declarações polêmicas sobre alguns assuntos. Um deles é sobre o atual estado do rock, que, segundo ele, está “morto”.

Ao ser entrevistado ao site Gulf News, Simmons não só fez críticas à forma como o rock se encontra nos dias de hoje, como, também, disparou contra os rappers. O músico garante não ter nada contra o hip hop, mas apontou que nenhum artista de rap terá a mesma importância dos Beatles.

“O rock está morto. E isso é porque as novas bandas não têm tido tempo para criar glamour, emoção e coisas épicas. O Foo Fighters é incrível, mas eles já têm 20 anos de carreira. Você pode voltar de 1958 a 1988. São 30 anos. Tivemos Elvis, Beatles, Jimi Hendrix, Rolling Stones… na disco music, tivemos Madonna, e tivemos no hard rock AC/DC, talvez nós, alguns outros. Tivemos a Motown, grandes artistas. A partir de 1988, o que tivemos? Passaram-se mais de 30 anos.”

Em seguida, Gene Simmons desafiou o público a encontrar uma banda atual que tenha o tamanho dos Beatles.

“Diga para mim quais os novos Beatles. Não tem. Há bandas populares. O BTS é bem popular. Todos os tipos de bandas são muito populares. Isso não significa que serão icônicas e que haverá um legado o tempo todo. É diferente.”

O músico, então, falou sobre o que diferencia os músicos de rock – e até de alguns outros estilos – dos rappers que estão bombando na atualidade.

“Os Beatles faziam as próprias músicas, criavam os arranjos, produziam, tocavam. Sem correções digitais. Os artistas atuais dependem muito da tecnologia. Não dá para reconhecer o artista se ele estiver cantando no chuveiro. Nenhum dos rappers toca instrumentos. Eles não compõem músicas. Eles escrevem palavras, não acordes, melodias e harmonias. Isso não significa que o rap não seja importante. É muito importante. Mas não é como os Beatles.”

Gene Simmons e música pop

Em outro momento da entrevista, Gene Simmons também fez elogios a artistas do segmento pop, como Billie Eilish e Lady Gaga. Porém, segundo ele, essas duas cantoras são exceções.

“Billie Eilish é fantástica, ela compõe todo o material dela junto do irmão (Finneas) e é única. Lady Gaga é fantástica. Ela compõe as próprias músicas, canta como ninguém, é uma musicista, toca piano. Ela consegue fazer isso. A maior parte das divas pop não compõe as próprias músicas e não toca um instrumento. Está tudo bem com isso também. Não importa o que você goste. Só que não é como os Beatles.”

E você, concorda com as declarações de Gene Simmons?

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!