Youtuber “corrige” Van Halen com quantização e resultado é bizarro; ouça

Processo elimina pequenas imprecisões de tempo de uma gravação - o que também compromete o feeling
Foto: divulgação

Um youtuber chamado Bobby Huff resolveu “corrigir” digitalmente o clássico “Runnin’ With The Devil”, lançado pelo Van Halen em 1978. Para o procedimento, foi utilizada uma ferramenta de produção musical chamada “quantização”.

O termo se refere a um processo que elimina todas as pequenas imprecisões de tempo de uma gravação. Nos últimos anos, a prática foi bastante difundida em softwares famosos, como o ProTools.

O problema é que o método também mata o “feeling” da música, deixando o resultado muito padronizado e bem estranho, como você pode conferir no vídeo. Dá para perceber logo nas primeiras notas do baixo, que abrem a música.

Ouça a seguir (a partir de 4min):

A bizarra correção em “Runnin’ With The Devil” faz parte de um quadro do canal de Boby Huff chamado “Music Surgery”. Vestido de cirurgião, ele aparece fazendo verdadeiras “plásticas” em algumas músicas.

Bobby explica sua intenção: “Nos últimos trinta anos, quase todas as músicas tiveram seus tempos corrigidos. Isso é humanamente impossível de tocar. Ou seja, não é só porque você pode matar um groove com a quantização que você deve fazê-lo”.

Além do clássico do Van Halen, o youtuber já corrigiu também a música “Tom Sawyer”, do Rush. Confira:

Texto por Gustavo Maiato
Edição por Igor Miranda

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!