Baixista do R.E.M. diz que banda nunca se reunirá

Mike Mills nega que o fim do grupo foi causado por desentendimentos

Se já estão chocados com o anúncio na semana passada de que o R.E.M. chegou ao fim, os fãs da banda americana receberam uma nova ducha de água fria: em entrevista à revista Rolling Stone, o baixista Mike Mills garantiu que não há qualquer chance de uma futura reunião com os outros integrantes da banda – o vocalista Michael Stipe e o guitarrista Peter Buck.

“Fico triste em perceber que nunca mais tocarei com eles. Mas fizemos isso por bons motivos e temos lembranças de muita diversão”, afirmou o músico. Ele garantiu que o fim da banda não foi motivado por brigas entre os integrantes, e sim apenas porque eles concluíram que a hora havia chegado. “Estávamos felizes, mas chega. Não foi porque ninguém mais se suportava.”

A pá de cal – por enquanto – na carreira da banda será dada com a coletânea “R.E.M., Part Lies, Part Heart, Part Truth, Part Garbage 1982- 2011″, que deve chegar às lojas em 14 de novembro. O material terá, além dos sucessos de sempre, três faixas inéditas: “Hallejulah”, “A Month Of Saturdays” e “We All Go Back To Where We Belong”.

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!