Morre o guitarrista Lou Reed

O músico tinha 71 anos e morreu em decorrência de problemas no fígado

O músico Lou Reed morreu aos 71 anos, na manhã do último domingo (27), em Long Island, Nova York, nos EUA. O agente literário do artista, Andrew Wylie, disse à agência de notícias Associated Press que ele morreu em decorrência de problemas no fígado. O cantor passou por uma cirurgia de transplante de fígado em maio de 2013. Ele deixa sua segunda esposa, a musicista e artista Laurie Anderson.

Em uma carreira de quase cinco décadas, Reed teve grande influência no rock em todo o mundo. Nascido em Nova York em 1942, ele foi o fundador do influente grupo dos anos 1960, The Velvet Underground. O grupo trabalhou com o artista Andy Warhol, fundindo rock de vanguarda com o pop art.

John Cale, co-fundador do Velvet Underground, escreveu: “O mundo perdeu um bom compositor e poeta… Eu perdi meu ‘amigo da escola'”. O também amigo David Bowie, que produziu seu disco Transformer, disse: “Ele era um mestre”.

‘Triunfo da medicina’

Reed – que já havia assumido o uso frequente de drogas e álcool por muitos anos – fez um transplante de fígado no último mês de maio. Para realizar a cirurgia, ele cancelou cinco shows de sua turnê nos Estados Unidos, que aconteceriam em abril.

“Eu sou um triunfo da medicina moderna”, escreveu em seu site no dia 1º de junho. “Estou ansioso para voltar ao palco para tocar e para escrever mais músicas para continuar a me conectar com seus corações e espíritos e o universo durante mais tempo.”

Influência

Após o fim de sua banda, Lou Reed iniciou uma carreira solo de sucesso, com canções como Perfect Day e Walk on The Wild Side. Após deixar Velvet Underground, Reed fez carreira solo de sucesso.

Seu trabalho frequentemente abordava assuntos controversos, como sexo e o vício em drogas. O Velvet Underground não chegou a ser um sucesso de vendas, mas revolucionou o rock e o punk rock nos anos 1960 e 1970. E a popularidade da banda aumentou nas décadas seguintes.

Os movimentos punk, glam e alternativo do rock nas décadas de 70, 80 e 90 devem muito à banda e a Reed, cujas canções foram regravadas por REM, David Bowie, Nirvana, Patti Smith e muitos outros. O produtor musical Brian Eno refletiu sobre a influência, dizendo: “O primeiro disco do Velvet Undeground vendeu somente 10 mil cópias, mas todo mundo que comprou formou uma banda”.

O grupo foi oficialmente incluído no Salão da Fama e Museu do Rock and Roll, que registra a história do gênero, em 1996. Depois de sair do Velvet Underground em 1970, Lou Reed lançou seu álbum solo homônimo em 1972, mas somente quando Bowie produziu seu disco Transformer no mesmo ano – que tinha tanto Perfect Day como Walk on The Wild Side – ele obteve sucesso comercial.

Como artista solo ele lançou 20 discos de estúdio. Seu último álbum, Hudson River Wind Meditations, foi lançado em 2007.

Fonte: BBC Brasil e Globo

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!