“Lemmy era maior do que todos”, diz Andreas Kisser

Líder do Motörhead morreu no último dia 28

A morte de LemmyKilmister, líder do Motörhead, no último dia 28, surpreendeu Andreas Kisser. Abalado, o guitarrista do Sepultura lembrou com carinho o profissionalismo e o respeito que o músico inglês tinha pela banda brasileira.

“Lemmy foi tudo para a minha geração e até antes”, disse AndreasKisser, por telefone,aoUOL.”Ele viveu a vida do rock androlle praticamente morreu no palco, fazendo turnê. é um grande exemplo. Um cara que respeitou muito o Sepultura sempre. O Sepultura tirou o nome da banda de uma música doMotörhead. Fizemos várias turnês com oMotörhead, oLemmyjá subiu no palco com a gente”.

Para o guitarrista, Lemmy se transformou em um mito do rock e superouídolos como JimiHendrix (1942-1970) e BonScott, primeiro vocalista do AC/DC (1946-1980).

“O cara é um mito comoJimiHendrix,BonScott,todos os grandes caras. Maior do que todos eles. Um cara realmente íntegro naquilo que propôs e fez, eissoninguém pode negar, com uma experiência muito positiva com todo mundo. Quem conheceuLemmyfoi um privilegiado. Sinto-me um privilegiado por ter passado alguns momentos e ter curtido um pouco com ele”, disse o guitarrista.

As informações são do UOL.

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!