Joe Satriani ao lado de Steve Vai

Em recente declaração ao portal Music Radar, Joe Satriani revelou que se arrepende de um solo que criou: o da faixa “Crushing Day”, de seu álbum de 1987, Surfing with the Alien.

“Eu nunca deveria ter escrito esse solo! Isso foi uma coisa de ‘alter ego’… Pensei que seria algo muito legal de fazer. Até Steve Vai disse que eu não deveria ter feito esse solo”.

Publicidade

Muito comprido

Satch explica que o solo foi tão longo que ele não pôde improvisar como os outros do mesmo álbum. Quando chegou a turnê de divulgação do trabalho, o guitarrista confirmou que realmente tinha de tocar como estava no disco – mesmo assim, não soava de forma correta.

“Nós tentamos tudo… Nós deixamos mais animado, mais bagunçado, tocamos perfeitamente, mas não conseguimos descobrir o que estava errado”. Depois de um show em São Francisco, ele recebeu o seguinte recado de um fã: “O que aconteceu com ‘Crushing Day’? Você estragou todas as partes”.

Leia: Satriani decidiu ser guitarrista por causa da morte de Hendrix

Opinião sincera

Um notável amigo de Satch, ninguém menos do que o guitarrista Steve Vai, já havia avisado de maneira sutil que o solo tinha problemas quando o álbum foi gravado.

“Steve Vai realmente adorou o disco, mas lembro que ele falou sobre essa faixa: ‘Sim, é uma música muito legal… No entanto, o solo deu mais ou menos certo, né?’”, contou Satriani.

Em seguida, ouça a faixa “Crushing Day”:

Quer saber mais? Então clique AQUI e fique por dentro de tudo sobre a carreira de Joe Satriani.