Foto: divulgação

Quem foi o último guitar hero a surgir no mundo da música? A resposta de Rickey Medlocke, guitarrista do Lynyrd Skynyrd, não é nada animadora: para ele, não veio ninguém depois de Eddie Van Halen, que apareceu ainda no fim da década de 1970.

Medlocke e o também guitarrista Gary Rossington concederam uma entrevista à ‘Guitar Magazine’ e responderam a diversas perguntas sobre o instrumento e a carreira como um todo. Durante o bate-papo, eles foram perguntados a respeito do atual momento do rock e da guitarra como um todo e a resposta remeteu ao passado, já que o presente, para eles, não é o suficiente.

“Nós vivemos um dos momentos mais mágicos da música, dos anos 1960 até o início da década de 1980. Porém, o último guitar hero que surgiu foi Eddie Van Halen. Não ouço mais aquela mágica. Desculpe, pessoal”, disse Rickey Medlocke.

O músico mencionou um colega mais jovem que é bastante elogiado no segmento: Joe Bonamassa. “Bonamassa é um virtuoso e fiz shows com ele quando ele ainda tinha 16 anos. Porém, o último guitar hero realmente foi Eddie”, afirmou.

Gary Rossington não foi tão ácido em sua declaração, mas concordou que o mundo da guitarra não tem novos ídolos surgindo. “(Jimi) Hendrix, (Jeff) Beck, (Eric) Clapton começaram isso. A próxima geração veio com apenas alguns nomes, mas, logo depois, parou. Não há mais novidades, acho que os tempos mudaram, assim como as pessoas”, disse.

O único integrante da formação clássica do Lynyrd Skynyrd a seguir na banda complementou: “Espero que algum dia, os garotos percebam que um guitar hero realmente tocava guitarra. Paul Kossoff (do Free) foi outro herói que tive. Ele tocava apenas uma nota e era emocionante. Seu toque e seu feeling eram incríveis”.

Em outro momento, Gary Rossington fez elogios a Duane Allman, guitarrista da Allman Brothers Band falecido em 1971, com apenas 24 anos. “Acho que ele é o melhor no slide da toda a história. Ele tem seu próprio toque e técnica. O feeling dele era tudo. Eu o conheci e toquei em sua Goldtop. Era uma grande influência para nós… e usava Les Paul!”, afirmou.