Foto: reprodução / YouTube

O guitarrista Keith Richards, dos Rolling Stones, confirmou, em entrevista à rádio americana Q104.3, que abandonou o vício em cigarros. Ele declarou que fumar em outubro de 2019.

O motivo, segundo Richards, é uma preocupação adicional com a saúde. “Acho que tanto Mick (Jagger, vocalista) quanto eu sentimos na última turnê que estávamos apenas seguindo em frente. Precisamos continuar com isso”, afirmou.

Atualmente, Keith Richards está com 76 anos, completos no último dia 18 de dezembro. Muitas pessoas acreditam que seja um milagre o fato do guitarrista dos Rolling Stones ainda estar vivo, após décadas de abusos de álcool e drogas.

No fim de 2018, ele já havia chamado atenção ao revelar, em entrevista à revista ‘Rolling Stone’, que havia “praticamente” parado de beber. Na ocasião, ele contou que havia abandonado o hábito ainda em 2017.

“Já faz um ano. Tirei a tomada disso. Fiquei de saco cheio”, disse Keith, ao falar sobre álcool na ocasião.

A expressão “praticamente” foi utilizada para descrever a sobriedade de Keith Richards porque, de certo modo, ele não parou de consumir álcool por completo. Ocasionalmente, o guitarrista ainda bebe uma taça de vinho ou um copo de cerveja.

Contudo, ele garantiu que não vai além disso, porque sentiu que “era a hora de parar, assim como todas as outras coisas”. “Não percebo diferença, a não ser de que não bebo – não estava sentindo que era algo certo, simplesmente não quis mais”, disse.

Será o início de uma nova era?