Fotos: divulgação

A Fender divulgou a segunda classe, correspondente ao ano de 2020, de seu programa Fender Next. O projeto foi desenvolvido para dar apoio a novos artistas e bandas – especialmente, é claro, aqueles que tenham novos guitarristas, baixistas ou violonistas na linha de frente.

Em sua lista, que recomenda 25 artistas e bandas com guitarristas para se ouvir no ano de 2020, a Fender busca trazer representantes de vários países do mundo. Os Estados Unidos dominam as indicações, seguidos do Reino Unido, mas há músicos de países como Austrália, Noruega, Canadá, Japão, México, Nigéria, Tailândia e Coreia do Sul.

Como parte do programa de desenvolvimento dos artistas da Fender, os músicos presentes na lista do Fender Next ganham acesso a recursos, incluindo guitarras, amplificadores e equipamentos em geral da empresa. Além disso, eles trabalham em parceria com a marca para desenvolver conteúdo criativo e podem participar das Fender Sessions, entre outros.

Veja, abaixo, os 25 artistas e bandas com novos guitarristas que a Fender recomenda para 2020:

Black Pumas (Estados Unidos)

Girl In Red (Noruega)

White Reaper (Estados Unidos)

Miyavi (Japão)

Mdou Moctar (Nigéria)

Se So Neon (Coreia do Sul)

Beabadoobee (Reino Unido)

Omar Apollo (Estados Unidos)

Orville Peck (Canadá)

The Regrettes (Estados Unidos)

Bones UK (Reino Unido)

Madison Cunningham (Estados Unidos)

Phum Viphurit (Tailândia)

Dana Williams (Estados Unidos)

Ambré (Estados Unidos)

Skegss (Austrália)

Easy Life (Reino Unido)

Eliza & the Delusionals (Austrália)

Joy Crookes (Reino Unido)

Katie Pruitt (Estados Unidos)

Leonardo Aguilar (México)

Keshi (Estados Unidos)

Running Touch (Austrália)

The Marías (Estados Unidos)

Yola (Reino Unido)