Joe Satriani revela que não vai aderir à tendência das lives durante a pandemia

A realização de lives na internet já é uma grande tendência entre os músicos, mas Joe Satriani revelou que não vai aderir à moda e explicou o motivo.
Foto: divulgação

A realização de lives na internet já é uma grande tendência entre os músicos – especialmente no Brasil, onde as transmissões ganharam uma qualidade mais profissional e têm um intuito beneficente. Porém, o guitarrista Joe Satriani não quer promover nenhuma performance online em meio à pandemia do coronavírus.

A decisão de Satriani chama atenção, pois ele lançou um novo álbum, “Shapeshifting”, na última sexta-feira (10), e não tem mais o recurso das turnês para divulgar o trabalho. Ainda assim, ele prefere encontrar outras alternativas.

“Meu trabalho também é elevar o ânimo das pessoas e fornecer música a elas, para celebrar ou se solidarizar. Não vou ‘relaxar’ isso só porque os tempos estão difíceis. Ainda tenho um trabalho. Vou ficar ocupado trabalhando em outro disco e promover esse que foi lançado”, afirmou o músico, em entrevista à ‘Rolling Stone’.

Satriani destacou que já recebeu “convites engraçados” para produzir conteúdo na internet recentemente, mas disse que as sugestões sempre eram ligadas à parte “comercial” em vez de fazer uma performance. Isso o deixou incomodado.

“Não pensaram na logística. Citei a todos: ‘você sabe o que significa juntar minha banda e minha equipe em um quarto, o que viola todas as regras de se ficar isolado em casa?’. Muitos de nós nem vivem na mesma cidade ou até país. Esqueça essa ideia. Seria eu tocando guitarra com uma webcam. Não é a mesma coisa”, disse.

O guitarrista disse que é até “ofensivo” quando pensam que ele poderia apoiar comercialmente essas pessoas e empresas com tais propostas. “Estou em uma fase onde estou dando e oferecendo. Não vou dizer: ‘você não pode comprar um ingresso para um show presencial, então, vou fazer você comprar um ingresso para um show online, que é algo que eu nem pretendo fazer’. Não parece justo”, concluiu.

Joe Satriani – Shapeshifting

“Shapeshifting”, 17° álbum de estúdio de Joe Satriani, foi lançado pela Sony Music/Legacy Recordings.

Neste novo disco, o músico traz, em sua banda de apoio, Kenny Aronoff (John Fogerty, Chickenfoot e outros) na bateria, Chris Chaney (Jane’s Addiction) no baixo e Eric Caudieux nos teclados.

Recentemente, ele também relançou o álbum “Surfing with the Alien”, em 2019, remasterizado, além do trabalho de estreia com a banda The Squares, com quem gravou ainda na década de 1980.

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!