Kiko Loureiro lançou o melhor álbum de guitarra em 2020, segundo a ‘Guitar World’

O novo disco solo de Kiko Loureiro, 'Open Source', foi eleito pelos leitores da revista americana 'Guitar World' como o melhor álbum de guitarra em 2020. Um top 20 com os destaques do ano foi construído com base no voto do público e trouxe Kiko, o único brasileiro da listagem, logo na primeira posição.
Foto: Ifusha Kalina / divulgação

O novo disco solo de Kiko Loureiro, ‘Open Source’, foi eleito pelos leitores da revista americana ‘Guitar World’ como o melhor álbum de guitarra em 2020. Um top 20 com os destaques do ano foi construído com base no voto do público e trouxe Kiko, o único brasileiro da listagem, logo na primeira posição.

O trabalho de Loureiro superou álbuns de guitarristas importantes e mundialmente conhecidos, como AC/DC, John Petrucci, Joe Satriani e Marty Friedman. Este último, inclusive, participou de ‘Open Source’, na música ‘Imminent Threat’.

Kiko Loureiro é como Beyoncé?

As escolhas dos leitores foram comentadas pelos jornalistas da ‘Guitar World’. O texto afirma que Kiko Loureiro é representado por ‘Open Source’ do mesmo modo que “Beyoncé saindo das Destiny’s Child para se libertar e mostrar ao mundo o que ela pode fazer”.

“Há muita extravagância no estilo de Loureiro compor. Ele provavelmente tem fogos de artifício e um guarda-chuva em seu suco de laranja matinal. Mesmo aqueles que se cansaram do rock instrumental vão perceber.”

O editorial também comenta a capacidade de Dave Mustaine, líder do Megadeth, em trazer tantos bons guitarristas para sua banda. Kiko Loureiro faz parte do grupo desde 2015.

“Ele já teve algo melhor que Loureiro? Há alguém que toque metal contemporâneo melhor que ele? Talvez, quem pode dizer, mas eles não estão no Megadeth. Não estão fazendo música como essa. E não estão convidando Marty Friedman para tocar.”

O top 20 completo pode ser conferido no site da ‘Guitar World’. Abaixo, estão listados os 10 primeiros.

  1. Kiko Loureiro – ‘Open Source’
  2. Andy James – ‘C.S.I.L’
  3. John Petrucci – ‘Terminal Velocity’
  4. AC/DC – ‘Power Up’
  5. Plini – ‘Impulse Voices’
  6. Joe Satriani – ‘Shapeshifting’
  7. Trivium – ‘What the Dead Men Say’
  8. Ozzy Osbourne – ‘Ordinary Man’
  9. Intervals – ‘Circadian’
  10. Marty Friedman – ‘Tokyo Jukebox 3’

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!