Marty Friedman elogia Kiko Loureiro: ‘super guitarrista e grande amigo’

O guitarrista Marty Friedman, famoso por sua passagem pelo Megadeth na década de 90, rasgou elogios ao brasileiro Kiko Loureiro, que desde 2015 ocupa a vaga deixada por ele na banda. Recentemente, os dois gravaram juntos a música 'Imminent Threat', presente em 'Open Source', álbum solo de Kiko.
Foto: divulgação

O guitarrista Marty Friedman, famoso por sua passagem pelo Megadeth na década de 90, rasgou elogios ao brasileiro Kiko Loureiro, que desde 2015 ocupa a vaga deixada por ele na banda. Recentemente, os dois gravaram juntos a música ‘Imminent Threat’, presente em ‘Open Source‘, álbum solo de Kiko.

Em entrevista à ‘Guitar World’, Friedman disse que Kiko e ele são “brothers”.

“Ele é um grande amigo. Sempre que ele vem ao Japão, saímos juntos. Acho que nunca sentamos na mesma sala para tocar guitarra, mas eu adoraria. Ele é um super, super, super guitarrista e um super cara”, afirmou.

Ouça ‘Imminent Threat’, com Kiko Loureiro e Marty Friedman:

O músico revelou, ainda, ter ficado feliz com o convite para tocar em ‘Imminent Threat’.

“Quando ele me chamou para tocar, não hesitei. Não tinha ideia do que ele iria trazer, mas a música era muito boa. Então, dei meu toque na música e todos se divertiram”, disse.

Com a amizade dos dois, será que eles conversam sobre histórias do Megadeth? “Não lembro de ter falado muito sobre o Megadeth com ele”, respondeu Marty Friedman. “Mas ele é muito inteligente, tenho que acompanhá-lo”, completou, antes de revelar uma boa sacada de Kiko Loureiro.

“Estávamos conversando uma vez sobre Allan Holdsworth por alguma razão e ele comentou que quando você ouve um guitarrista ou qualquer artista, você está ouvindo a vida dele inteira por meio de sua música. Ele usou Allan e eu como exemplos e eu nunca tinha ouvido isso, com essas palavras, antes. Geralmente, esse papo ‘new wage’ me faz querer vomitar, mas a forma como ele disse fez sentido. Foi algo brilhante.”

Vale lembrar que os leitores da ‘Guitar World’, revista que conversou com Marty Friedman, elegeram ‘Open Source’ como o melhor álbum de guitarra em 2020. Você pode conferir o ranking completo e os comentários da publicação sobre o disco clicando aqui.

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!