Por que todo guitarrista deveria tocar baixo, segundo Mick Thomson

Todo guitarrista também deveria tocar baixo. Essa é a opinião de Mick Thomson, responsável por uma das guitarras do Slipknot, que explicou sua opinião em uma entrevista.
Foto: leokreissig.de / Wikimedia

Todo guitarrista também deveria tocar baixo. Essa é a opinião de Mick Thomson, responsável por uma das guitarras do Slipknot.

Em entrevista ao Music Radar, o músico destacou que o domínio do baixo auxilia a construir novos padrões em técnica e criatividade. As sonoridades mais graves e a consciência de groove são decisivas para diferenciar o músico nesse sentido.

“Usar ferramentas diferentes ajuda a sair do molde. Depois de tocar por vários anos, você cai em um padrão que é todo seu. Você se torna você cada vez mais, e fica difícil enxergar outras coisas. Compor no baixo traz uma abordagem diferente, além de ser bom para seus dedos.”

Há até um exercício físico ao dominar o baixo, de acordo com Mick Thomson. O guitarrista destacou que as escalas do instrumento mais grave são maiores, o que dá maior preparo físico aos dedos.

“Com um baixo em mãos, tendo a pensar de forma mais rítmica ou em um estilo mais ‘sludgey’. Com uma guitarra, começo a fazer arpejos e tenho que me forçar a não fazê-los.”

O desafio à criatividade

Por fim, Mick destacou que, muitas vezes, os guitarristas se repetem mais do que percebem. Então, é preciso desafiar-se constantemente para reforçar a criatividade.

“Se você se sentir preso ao compor, ou alguma parte não esteja saindo, toque a p*rra do baixo.”

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!