Luthier constrói guitarra incrível a partir de plástico recolhido do oceano

Corpo do instrumento foi confeccionado a partir de plástico derretido e braço foi feito com canudos e epóxi
guitarra de plástico

Não é novidade que nossos oceanos sofrem com lixo e derramamento de esgoto. Como forma de jogar luz nessa importante situação, o luthier conhecido como Burls Art resolveu fabricar uma guitarra apenas com plástico recolhido do fundo do oceano. Confira o incrível resultado no vídeo ao final da matéria.

A ação é resultado de uma parceria entre o luthier e a empresa 4 Ocean, que se descreve como uma instituição cuja missão é “acabar com a crise dos plásticos nos oceanos”. Após recolher uma boa quantidade de plástico, o fabricante passa todo o material por máquinas que aquecem e processam o plástico. “Tentei fazer um braço com epóxi, mas não estava grudando. Então, decidi usar canudos que encontrei na água. Enchi cada um dos canudos com epóxi e foi assim que construí a escala”, afirmou.

Já para confeccionar o corpo, Burls colocou um grande bloco de plástico no forno para moldar da forma correta. “Pensei o design da guitarra de forma que todos possam ver o plástico. Para chamar atenção mesmo. Acabou ficando com pequenos orifícios ao longo do corpo, mas não dá para fixar mais nada ali, devido à natureza do plástico”, disse.

Como soa a guitarra de plástico oceânico?

Quem ficou curioso para saber como soa a guitarra feita de plástico recolhido de oceanos pode conferir o resultado ao final do vídeo. O luthier demonstra como ficou o timbre de sua criação e o resultado agradou seus seguidores. “Amei o resultado. Todos os fabricantes ao redor do mundo deviam se inspirar em você”, disse um comentário.

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Os conteúdos mais relevantes para os apaixonados por guitarra em um único lugar. Aproveite, é grátis mas por tempo limitado.