Grátis!

Leia agora a nova edição da Guitarload

A edição ficará disponível gratuitamente até o contador abaixo zerar. Aproveite!

Dias
Horas
Min.
Seg.

Editorial

Eddie Van Halen se foi. Um dos guitarristas mais importantes da história da música faleceu no último dia 6 de outubro, aos 65 anos.

A informação foi confirmada por Wolfgang Van Halen, filho de Eddie e baixista do Van Halen. Ele revelou que o músico morreu em decorrência de um câncer.

Wolfgang não deu outros detalhes, como a parte do corpo onde o tumor apareceu, mas sites do exterior, como o “TMZ”, apontaram que o problema de saúde surgiu em sua garganta. O guitarrista estaria em tratamento há, pelo menos, 5 anos – e isso teria travado as atividades do Van Halen nesse período.

Steve Vai foi além. O guitarrista, que tocou com David Lee Roth em sua carreira solo nos anos 80 – e precisou aprender vários solos de Eddie Van Halen –, disse à “Rolling Stone” que Eddie estava doente há pelo menos uma década. Ou seja: o lendário músico fez ao menos duas longas turnês e lançou o álbum “A Different Kind of Truth” (2012), último do Van Halen, com a saúde comprometida.

Desafiador, é verdade. Mas estamos falando de um cara que superou todas as barreiras e agregou muito conhecimento e inovação à música. Uma luta contra o câncer, se dependesse apenas de sua motivação e genialidade, seria “fichinha” perto da biografia irretocável deixada por ele.

A edição 109 da Guitarload é dedicada à memória de um dos gigantes da guitarra. Um dos caras que ajudou a mudar o instrumento que tanto amamos. Um revolucionário, que tem uma história inspiradora e, claro, tantas obras incríveis – não só na música, mas no segmento de equipamentos, com invenções e reinvenções que colocaram o mercado da guitarra de cabeça para baixo.

Vá em paz, grande Eddie. Você fez história.

Cadastre-se para ler gratuitamente!