Marty Friedman explica por que ‘falhou miseravelmente’ em teste da banda de Ozzy: ‘Minha aparência’

“Eu estava só de jeans e camiseta”, disse o ex-Megadeth
Foto de Marty Friedman via Facebook

Para informações em tempo real sobre o mundo da guitarra, siga o canal da Guitarload no WhatsApp:

Entre os guitarristas profissionais, é praticamente consenso a opinião de que não basta tocar bem para ser bem-sucedido. Vários outros fatores importam: personalidade, compromisso e, como recentemente revelou Marty Friedman, o visual. 

No fim da década de 1980, o músico estadunidense foi convidado via telefone por Sharon Osbourne para participar de uma audição para a banda de Ozzy. Passando por dificuldades financeiras e obviamente entusiasmado com a oportunidade, Marty não pensou duas vezes e encarou o desafio.

“Acho até que toquei muito bem, o teste foi ótimo. Todos foram amigáveis comigo. Porém, no fim, falhei miseravelmente. Acho que foi provavelmente por causa da minha aparência”, contou Marty em um bate-papo durante o evento Metalmania III.

| Leia também: Overloud TH-U Marty Friedman: novo plugin recria timbres de toda a carreira do ex-Megadeth

Lista de prioridades

Marty prosseguiu: “Nosso visual era completamente diferente. Os caras da banda estavam com camisetas de caveiras, cheios de pulseiras e colares. Eu estava só de jeans e camiseta, roupa totalmente comum. Percebi que era um clima diferente.” 

“Estar em uma banda é muito mais do que tocar. Na verdade, tocar é algo que está mais para o fim da lista de prioridades. Eles estavam fazendo audições para milhares de caras. Todo mundo tocou tudo muito bem. Então, não consegui”, finalizou. 

Curtiu? Compartilhe!
Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
Email
Comentários:
Receba nossos melhores conteúdos em tempo real!

Preencha os dados abaixo para receber nossos conteúdos no Whatsapp