Morre Lanny Gordin, um dos ícones da guitarra brasileira

Músico morreu no dia em que completou 72 anos de idade
Foto de Lanny Gordin via Facebook

Para informações em tempo real sobre o mundo da guitarra, siga o canal da Guitarload no WhatsApp:

Foi confirmada na manhã desta terça-feira (28) a morte do icônico guitarrista Lanny Gordin. Ele estava internado em São Paulo e morreu no dia do próprio aniversário de 72 anos. Nascido em Xangai, na China, em 1951, ele veio para o Brasil com os pais ainda na infância.

No fim dos anos 1960, Lanny já era considerado um dos grandes guitarristas em atividade no Brasil, o que resultou em convites para gravar em discos que entraram para a história da MPB. Dentre os artistas com quem Lanny Gordin gravou estão Gal Costa, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Erasmo Carlos, Tom Zé e Tim Maia.

Com um estilo que misturava psicodelia e sofisticação harmônica, Lanny criou um estilo próprio na guitarra e uma reputação respeitada pela maior parte dos artistas da MPB. No entanto, o músico passou boa parte de sua trajetória no ostracismo, muito por conta de sua saúde mental. Lanny sofria de esquizofrenia e o uso de drogas acabou potencializando a doença.

Em 2016, Lanny Gordin foi diagnosticado com a síndrome de Guillain-Barré, que o deixou acamado desde então.   

Curtiu? Compartilhe!
Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
Email
Comentários:
Receba nossos melhores conteúdos em tempo real!

Preencha os dados abaixo para receber nossos conteúdos no Whatsapp