Jason Becker

Jason Becker anunciou detalhes de seu novo álbum, Triumphant Hearts. Com lançamento marcado para o dia 7 de dezembro, o trabalho foi financiado por uma campanha coletiva que levantou US$ 115 mil para cobrir os custos de gravação.

Becker também aproveitou para divulgar a primeira faixa do disco, “Valley Of Fire”, que tem várias participações especiais. Em seguida, confira a música:

Publicidade
Musilink – MXL – Fevereiro 1

Grandes convidados

A faixa conta com a contribuição dos guitarristas Steve Vai, Joe Bonamassa, Paul Gilbert, Neal Schon, Marty Friedman, Michael Lee Firkins, Mattias IA Eklundh, Greg Howe, Jeff Loomis, Richie Kotzen, Gus G., Steve Hunter e Ben Woods.

Outros músicos apresentados no álbum incluem Gluaco Bertagnin, Hiyori Okuda, Chris Broderick, Guthrie Govan, Uli Jon Roth e Trevor Rabin.

Leia também: Marty Friedman: Quando eu ouvi falar de Jason Becker, não dei atenção

Doença

Em 1990, Becker foi diagnosticado com a Doença de Lou Gehrig uma semana depois de se juntar à banda de David Lee Roth, mas ainda conseguiu gravar um álbum antes de ser substituído. Desde então, apesar do declínio da saúde – Jason não pode mais andar, falar ou tocar guitarra –, ele continuou a fazer música. Em 2012, foi tema do documentário Jason Becker: Not Dead Yet.

Becker se comunica usando um sistema criado por seu pai que permite que ele soletre notas musicais, acordes e palavras. Essas informações são alimentadas em um computador, no qual as partes são editadas.

“Algumas pessoas sentem pena de mim”, diz Becker. “Eu entendo isso. Realmente me sinto feliz. Não sinto mais falta de tocar guitarra. Tenho certeza de que isso é desnecessário, mas agradeço muito mais. Estou cercado por pessoas amorosas e ainda posso fazer música”.

Saiba mais visitando o site de Jason Becker.