Tony Iommi reflete sobre ter criado o heavy metal com captação single-coil

O Black Sabbath é o pioneiro do heavy metal e a sonoridade do guitarrista Tony Iommi foi decisiva para chegar ao que conhecemos como o estilo em questão.

O Black Sabbath é tido como o pioneiro do heavy metal, embora o estilo já estivesse sendo desenhado por bandas anteriores. A sonoridade do guitarrista Tony Iommi foi decisiva para chegar ao que conhecemos hoje como o gênero musical em questão.

Em recente entrevista à Guitar World, Iommi falou sobre a guitarra que utilizou para gravar os primeiros trabalhos com o Black Sabbath: uma Gibson SG modificada para canhotos, com captação P90, que é considerada single-coil. O músico disse que nunca parou para pensar no fato de ter criado um som tão pesado com captadores de bobina simples, e não humbuckers, como a maior parte dos guitarristas do gênero passaram a utilizar.

“Nunca pensei nisso. Você apenas trabalha de uma forma para a guitarra trazer o melhor som possível para você. Foi o que fiz. Usava esses captadores porque gostava do som. Tinha uma combinação com um treble booster que eu usava para saturar o amplificador. Aquela combinação gerava meu som. Conseguia fazer com a Stratocaster também, mas com as guitarras da Gibson, o som era mais cheio”, disse.

Um dos captadores – do braço – era de um luthier chamado John Birch, que fez vários trabalhos para Tony Iommi naquele período. “Ele tinha um som ‘redondo’, que combinava com as coisas mais jazz que o Sabbath fazia”, afirmou.

A guitarra, chamada de Gibson SG ‘Monkey’, foi adquirida por Iommi antes mesmo do Black Sabbath. “O baixista da minha banda com o baterista Bill Ward, The Rest, me disse que tinha uma SG à venda, mas que era para destros, então, eu deveria tocar ao contrário. Na época, era difícil achar guitarras da Gibson invertidas. Eu fiz a adaptação e comecei a tocar nela, aí descobri que outro cara tinha uma SG para canhotos e ele mesmo tocava nela ao contrário. Fui atrás e trocamos”, disse.

Além da dificuldade para encontrar guitarras para canhotos, Tony Iommi lidava com o acidente que havia sofrido enquanto trabalhava, fazendo perder as pontas dos dedos da mão direita. “Tive que inventar uma nova forma de tocar que me deixaria confortável. Precisava usar cordas leves, fiz meu próprio set”, afirmou.

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Publicidade

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Informação, entrevistas, lançamentos e muito mais!