Pandemia fez surgir 16 milhões de novos guitarristas nos EUA, segundo Fender

De acordo com pesquisa, 62% dos entrevistados foram diretamente influenciados pelo quadro pandêmico mundial
guitarra na pandemia

Nos últimos dois anos, cerca de 16 milhões de pessoas “aproveitaram” a pandemia para aprender a tocar guitarra. Dessas, 72% são jovens de 13 a 34 anos. Além disso, 58% dos novos guitarristas são inspirados por conteúdo produzido no TikTok. Essas foram algumas das conclusões de um estudo da Fender sobre o mercado americano.

A pesquisa “New Guitar Player Landscape Analysis” (Análise do Cenário dos Novos Guitarristas, em tradução livre) ouviu 10.644 pessoas entre os meses de maio e julho de 2021. Dessa forma, 62% dos entrevistados afirmaram que a pandemia de covid-19 influenciou diretamente na decisão de aprender a tocar guitarra.

Segundo a análise da Fender, 67% dos novos guitarristas têm empregos fixos e enxergam a guitarra como um hobby e não como uma paixão. Outro dado indica que 38% desse total se identificam como latinos e 53% estudam o instrumento cerca de 2 horas por semana.

Aprender a tocar guitarra na pandemia

Andy Mooney, CEO da Fender, comentou sobre os dados identificados pela pesquisa inédita. “A pandemia rapidamente acelerou o já grande crescimento no número de iniciantes. Nós estamos acelerando nossos investimentos para apoiar essas pessoas”, afirmou.

A Fender anunciou a criação da plataforma Beginner’s Hub, uma rede on-line que promete oferecer ferramentas para os alunos evoluírem na guitarra. Para mais informações, acesse o site da Fender (em inglês).

Curtiu? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Deixe o seu comentário

Top 5 da semana

Grátis!

Leia agora, a nova edição da revista Guitarload!

Os conteúdos mais relevantes para os apaixonados por guitarra em um único lugar. Aproveite, é grátis mas por tempo limitado.