Foto: reprodução / Twitter

Os rumores de que o guitarrista Eddie Van Halen enfrenta problemas de saúde parecem ser, mesmo, reais. Vários músicos, de Steve Lukather (Toto) a David Lee Roth, vocalista do Van Halen, confirmaram essa informação. Sammy Hagar, ex-cantor da banda, também disse que Eddie passou por maus bocados, mas já está melhorando.

A declaração de Hagar foi feita em entrevista à Rolling Stone. “Eddie sofreu com muitos problemas de saúde, mas ouvi dizer que ele conseguiu resolver o problema. Rezo pelo cara, amo esse cara”, afirmou Sammy, declarando, ainda, que acredita que o guitarrista fez uma “cirurgia nas costas” – apesar dos boatos indicarem que Eddie estaria tratando de um câncer na garganta.

Sammy Hagar foi além e garantiu que o Van Halen não irá acabar enquanto Eddie e o baterista Alex Van Halen estiverem vivos. A declaração foi vista como uma espécie de resposta a David Lee Roth, que chegou a dizer que o grupo havia “acabado” em uma entrevista no ano passado.

“Até que Ed ou Alex morram, eles não acabaram. São dois grandes músicos. Enquanto artistas e pessoas criativas, não consigo vê-los acabando. Gostaria que estivessem mais ativos, mas o Van Halen nunca vai acabar”, afirmou.

Hagar disse, ainda, que o Van Halen deve voltar a fazer turnês em 2021, caso a realização de shows seja liberada em 2020. Ele voltou a sugerir uma turnê em que David Lee Roth e ele assumem os vocais juntos.

“Se Dave quiser fazer uma turnê comigo, podemos fazer isso, mas é claro que ele não vai querer. Só queria sair por aí apresentando o melhor do Van Hagar e ele, o melhor da era dele. […] Sei que Eddie e eu não terminamos. Se a água correr o suficiente por baixo da ponte antes de morrermos, vai acontecer (uma reunião). Tem que acontecer. Deus vai nos dar uns tabefes se for preciso”, disse.